... o local onde grito sem medo, nem censuras...

10
Jan 10

Senti-me obrigada a recordar alguns pontos não resolvidos na minha vida...

Tenho que me confessar francamente feliz, e hoje mais que nunca sim tenho a certeza que quero partilhar completamente a minha vida com quem partilho. Sem dúvida que vivendo e revivendo é a pessoa certa, a minha alma géma, o meu olhar profundo.

No entanto, e não directamente por isto me levei a lembrar numa situação passada na minha que simplesmente de arruinou. E se em tempos teria dito destruiu, hoje aqui estou, mais feliz que algum dia, realizada, e principalmente com a consciência mais tranquila que sempre. Sinto-me sinceramente uma pessoa deveras integra.

Lembro de não há muitos anos, numa inconsciência própria da idade, mas de quem se julga já muito crescida, de pensar que como tudo o que tinha feito na vida, a mim ou a outros tinha sido resultado do que teria que ser, que doesse ou não, não me arrependia de nada do que tinha feito ou dito...

Hoje, a idade traz-me outra consciência. Sim, arrependo-me de algumas coisas que fiz e disse, embora na verdade tivessem servido para me transformar na pessoa que sou hoje, embora servisse para este crescimento do intimo, o mais importante é ter a coragem de dizer que existe o arrependimento, e que hoje a acção não teria sido esta!

Isto trouxe-me à lembrança a minha paixão/amor/dependência passada e sim ultrapassada. Em tempos procurei resolver questões que me pareciam pertinentes para seguir a minha vida. Mas na verdade, o engano em que andei se mantém para a vida de alguém que não a minha. Aquela pessoa, apesar do tempo, apesar das tentativas de não querer ver e querer mudar não merece de todo qualquer importância.

Ao pensar de novo nisto tudo lembrei-me de uma música que caracteriza a fase da minha vida que fui deixada ao abandono. Que tive que chorar sozinha, que tive que negar aquilo que de tão forte sentia. E ouvindo uma música pensando em dois seres que não me iriam ter, e em um em especial que ainda hoje amo mais que tudo, ouvi esta música que se segue, vezes e vezes sem conta... Como se tivesse sido escrita para a minha história de vida, encaixa que nem uma luva naquilo que vivi...

 

"Goodbye My Lover"

Did I disappoint you or let you down?
Should I be feeling guilty or let the judges frown?
'Cause I saw the end before we'd begun,
Yes I saw you were blinded and I knew I had won.
So I took what's mine by eternal right.
Took your soul out into the night.
It may be over but it won't stop there,
I am here for you if you'd only care.
You touched my heart you touched my soul.
You changed my life and all my goals.
And love is blind and that I knew when,
My heart was blinded by you.
I've kissed your lips and held your hand.
Shared your dreams and shared your bed.
I know you well, I know your smell.
I've been addicted to you.

[x2]
Goodbye my lover.
Goodbye my friend.
You have been the one.
You have been the one for me.

I am a dreamer and when i wake,
You can't break my spirit - it's my dreams you take.
And as you move on, remember me,
Remember us and all we used to be
I've seen you cry, I've seen you smile.
I've watched you sleeping for a while.
I'd be the father of your child.
I'd spend a lifetime with you.
I know your fears and you know mine.
We've had our doubts but now we're fine,
And I love you, I swear that's true.
I cannot live without you.

[x2]
Goodbye my lover.
Goodbye my friend.
You have been the one.
You have been the one for me.

And I still hold your hand in mine.
In mine when I'm asleep.
And I will bare my soul in time,
When I'm kneeling at your feet.
Goodbye my lover.
Goodbye my friend.
You have been the one.
You have been the one for me.

I'm so hollow, baby, I'm so hollow.
I'm so, I'm so, I'm so hollow.
I'm so hollow, baby, I'm so hollow.
I'm so, I'm so, I'm so hollow.
 

publicado por Ovelha Negra às 18:24

Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
14
15

19
21
22
23

24
26
27
28
29
30

31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO